Sindicato dos Bancários de Bragança Paulista e Região    |    30 anos    |    1986 - 2020     |
                 

Notícias - BMB


18/11/2016
Bancários reforçam mobilização contra terceirização. Senado vota projeto dia 24

- continuar lendo.

10/11/2016
Pressão dos trabalhadores leva o Supremo a adiar a votação sobre a terceirização

- continuar lendo.

10/11/2016
Votação de proposta para Cassi começa nesta sexta (11). Comissão de Empresa e entidades negociaram acordo
A partir de 11 de novembro os associados ativos e aposentados participam de Consulta ao Corpo Social para votar o acordo negociado com o Banco do Brasil pelas entidades representativas dos associados – Contraf-CUT, Anabb, AAFBB e FAABB.
- continuar lendo.

10/11/2016
Trabalhadores vão parar em todo o país na sexta 11

- continuar lendo.

09/11/2016
Salário mínimo deveria ser de R$ 4.016,27, segundo Dieese
O salário mínimo para manter uma família com dois adultos e duas crianças deveria ser de R$ 4.016,27, segundo o Dieese. O valor é quase cinco vezes maior que os atuais R$ 880. Para essa estimativa, foi utilizado como base o preço da cesta básica mais cara, que, em outubro, foi a de Porto Alegre (R$ 478,07), levando em consideração também as despesas da família com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência, que, conforme determina a Constituição, devem ser contempladas pelo salário mínimo.
- continuar lendo.

07/11/2016
Em defesa do papel social do FGTS
Uma das principais conquistas do trabalhador brasileiro, o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) completou 50 anos em 2016. Porém, neste ano simbólico para a classe trabalhadora, o FTGS está sob forte ameaça, seja pela possibilidade concreta de legalização da terceirização na atividade-fim das empresas – que permite a contratação de trabalhadores como pessoas jurídicas, rebaixa salários e aumenta a rotatividade – ou pelo interesse de bancos privados em gerir esse patrimônio dos brasileiros, reduzindo seu importante papel social para o país.
- continuar lendo.

04/11/2016
Cláusula sobre melhoria nas condições de trabalho é renovada com os bancos
A Campanha Nacional 2016 registra mais uma conquista, foi renovada a cláusula 57ª da CCT 2016/2018 entre os bancos e a Contraf-CUT. A cláusula dispõe sobre o desenvolvimento de programas para a melhoria contínua das relações de trabalho nos bancos e já ficou agendada para maio de 2017 uma negociação entre as partes para acompanhamento das iniciativas realizadas sobre o tema.
- continuar lendo.



« anterior 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 próxima »